Book Review: Para Todos os Garotos que Já Amei (Jenny Han)

the29chapters-bookreview-paratodososgarotosquejaamei-jennyhanRomance adolescente para todas as idades!

Quando foi lançado o livro Para todos os garotos que já amei, nunca tinha lido nada da Jenny Han. Nem tinha sequer ouvido falar dela. Porém, tanta gente falava tão bem daquele livro que a curiosidade falou mais alto.

Clique aqui e adquira na Amazon!

the29chapters-bookreview-paratodososgarotosquejaamei-jennyhan

E foi preciso apenas este livro  para me apaixonar pelo estilo da autora! Não é porque comecei pelo livro mais famoso. Mas sim por se tratar de uma escritora incrível, com uma escrita maravilhosa de se ler.

Clique aqui e adquira na Amazon!

Jenny Han tem o verdadeiro dom da escrita. Com livros despretensiosos e gostosos de ler, encanta leitores do mundo todo. Já li três trilogias dela e amei todas. E agora, para meu deleite, Para todos os garotos que já amei virou filme e vai estrear essa semana pela Netflix.

Já estou super ansiosa para assistir. Enquanto o filme não estreia, vem conferir a minha opinião sobre esse grande sucesso!

Trama

Para todos os garotos que já amei conta a história de Lara Jean. Uma adolescente americana descendente de coreanos pela família materna. Ela tem o hábito de escrever cartas de amor para garotos por quem se apaixonou.

Clique aqui e adquira na Amazon!

Cinco ao todo. Entre eles, Josh, o vizinho e ex-namorado da sua irmã mais velha, Margot. São cartas escritas para si. Por isso, são cheias de confissões e sentimentos que não seriam revelados para mais ninguém. E que são guardadas com carinho em uma caixa de chapéu que Lara Jean ganhou da mãe.

Clique aqui e adquira na Amazon!

Até que um dia, as cartas acabam sendo enviadas misteriosamente aos seus destinatários. Para desespero de Lara Jean. Então, para esconder seu crush por Josh, ela decide fingir que está namorando Peter. O garoto mais popular da escola. Além de ser também um dos seus antigos crush.

Personagens

É Lara Jean quem nos apresenta ao seu mundo. Um mundo onde existem regras, como em toda vida de adolescentes. Mas que ela não tem problema nenhum em seguir. Ama e respeita o pai, tem consciência de seu papel na sociedade. E cumpre com seus deveres.

Clique aqui e adquira na Amazon!

Os personagens são maravilhosos. A família de Lara Jean é muito fofa e tão perfeita que emociona. Como não amar as irmãs Song? Margot, Lara Jean e Kitty são jovens incríveis. E Peter e Josh são uns fofos.

Clique aqui e adquira na Amazon!

O pai de Lara Jean é um homem muito responsável e um grande exemplo de pai. Ficou viúvo jovem demais. E mesmo assim, consegue criar as três filhas com muita sobriedade. A relação de respeito e confiança mutua é linda.

Clique aqui e adquira na Amazon!

Os personagens são muito humanos. Difícil ler e não se identificar com eles. Lara Jean é muito carismática. Não vive pelos cantos maldizendo a vida que tem. Encara os desafios de frente. Nem sempre toma as melhores decisões. Mas isso só mostra que ela é uma adolescente como qualquer outra.

Perspectiva de escritora

A escrita de Jenny Han flui tão bem que você não se cansa ao ler. Ela domina a trama com destreza e sem furos. Nos mostra a personalidade dos personagens sem enrolação. Gradualmente, vamos conhecendo cada um e quando menos percebemos, já nos sentimos íntimos.

Clique aqui e adquira na Amazon!

O romance nos lembra uma crônica cotidiana agradável de se ler. E o fato de a protagonista ser uma adolescente com consciência social. Consciência ambiental. Ter muita humildade e valorizar a família. Demonstram responsabilidade da escritora com seu público.

Clique aqui e adquira na Amazon!

A estrutura narrativa foi muito bem montada. O livro tem início, meio e fim. Não precisou de subterfúgios para atrair os leitores para um próximo volume. Apesar de se tratar de uma trilogia. Os outros livros vieram graças ao apelo dos fãs que se apaixonaram pelo primeiro livro.

Vale a pena ler o livro Para Todos os Garotos que Já Amei?

Vale! Muito! É um livro lindo, sensível e romântico na medida certa. Não tenta ser moralista. É despretensioso e leve. A mescla da cultura coreana e americana merecem muito destaque também. Sem esquecer de citar que, Lara Jean é Potterhead. Como não amá-la?

Clique aqui e adquira na Amazon!

E o melhor de tudo, virou filme. Agora é curtir a história de Lara Jean na adaptação da Netflix. Então, fiquem ligados, pois logo teremos um análise na nossa coluna Filme X Livro sobre Para Todos os Garotos que Já Amei!

E você já leu esse livro? O que achou da leitura? Comente!

Texto por Yane Faria (Instagram: @leituraqueebomeeugosto)

Anteriores

Inglês com Filmes: 5 Expressões com O Plano Imperfeito (Set It Up)

Próximo

Movie Review: A Sociedade Literária e a Torta de Casca de Batata (2018)

  1. Angela Costa

    Ainda não li. E para falar a verdade, não assistirei ao filme. Não gosto de adaptações. Quanto ao livro, tinha um senão, mas todas as vezes que leio uma crítica sua, tenho vontade de ler o livro indicado.
    Indo comprar (ou tentar ganhar KKK) Para Todos os Garotos que já amei!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén