Somos criaturas em eterna busca por respostas. Assim, o feedback é algo tão natural quanto respirar. Mas como você utiliza o feedback?

Viver em sociedade fez com o que homem tivesse uma visão diferente de si mesmo. Afinal, temos uma perspectiva limitada de quem somos. E a convivência é responsável por nos mostrar um lado antes desconhecido. Quem nunca escutou que é assim ou assado de pais, familiares, amigos ou até inimigos?

Muitas vezes escutamos definições que nunca tínhamos pensado antes. Este é um dos exemplos de como o feedback é uma parte ativa da nossa vida. Sem ter como fugir dele, devemos procurar usá-lo da melhor forma para obter nossas metas.

O que é Feedback?

O termo é inglês, mas é tão utilizado que já está no dicionário em português como a resposta à uma informação/ação. Portanto, o feedback é a consequência às nossas realizações/atitudes.

Ele pode ser em formato de um retorno do cliente, parceiro, colaborador ou simplesmente os resultados dos nossos projetos, profissionais ou pessoais. A questão é que o feedback é o que nos faz ter um retorno sobre como estamos/somos, seja positivo ou negativo.

Como estou indo?

Nós temos pontos cegos e precisamos de ajuda para ver estas áreas. O feedback é uma das ferramentas para conseguir ter uma visão mais ampla. Por meio dele, entendemos melhor o que conseguimos até o momento. E, a partir disso, analisar os próximos passos que devem ser seguidos.

A cada ação, uma reação. Do resultado, temos como analisar o que precisa ser melhorado, eliminado ou incrementado. Não é apenas a necessidade de saber se está indo bem. É importante ter clareza se está seguindo o caminho que o levará para seus objetivos. Não adianta seguir em frente cegamente. Muitas vezes na estrada há curvas ou desvios. O feedback te auxilia a vê-los e realinhar a sua rota de navegação se necessário.

De quem é esse Feedback?

Feedback é essencial, mas você deve estar atento! Nós recebemos opiniões constantemente e de todos os tipos de pessoas. Assim como informações, devemos filtrar o que é realmente importante e nos ajudará a tomar as melhores decisões.

Dessa forma, tenha cuidado qual tipo de feedback você aceita como seu guia para suas escolhas futuras. Resultados concretos muitas vezes são mais desejáveis do que subjetivismo. Porém, para cada situação, você deverá definir qual é o melhor feedback para atingir seus sonhos.

E você? Já utiliza o feedback ao seu favor? Tem alguma forma específica de filtrar os vários feedbacks que recebe? Comente sua opinião sobre o tema!