Imagem relacionadaLa La Land é o musical que traz o sentimento de deslumbre e nostalgia da antiga Hollywood.

Em um mundo em que musicais não são mais tão bem recebidos, “La La Land” vem para relembrar o público o poder desse gênero de filme com uma história simples e deslumbrante ao mesmo tempo. Damien Chazelle, idealizador e diretor, prova que é possível sim criar um clássico do cinema com foco na nostalgia.

A Trama

A história é sobre o romance entre Mia e Sebastian, dois sonhadores na terra da arte americana. Enquanto Mia (Emma Stone) deseja ser atriz, Sebastian (Ryan Gosling) tem o sonho de ressuscitar o conceito do Jazz.

Os dois estão focados em realizar seus sonhos, mas não conseguem evitar a atração e o sentimento nos vários encontros pela cidade. Assim, os dois iniciam um romance enquanto tentam realizar seus sonhos em LA.

O Roteiro

O filme segue a dinâmica de contar as histórias dos personagens seguindo as estações. Em um ano, Mia e Sebastian por tudo que é esperado em um bom romance. O roteiro consegue muito bem delinear os personagens durante suas cenas, não deixando espaço para nenhum coadjuvante. O filme todo é sobre Mia e Sebastian. Felizmente, Emma e Ryan arrasam e realmente não precisam de um elenco de apoio para deixar o filme inesquecível.

As músicas e as coreografias conseguem se intercalar bem com as cenas, muitas vezes nem parecendo tanto um musical. Isto foi um fator positivo para mim, pois não é o meu tipo de gênero. Sem falar que as canções originais, como “City Of Stars”, são viciantes e fazem você realmente sentir pelos personagens. O roteiro ainda consegue passar uma mensagem interessante que para alcançar nossos sonhos precisamos fazer sacrifícios. E é exatamente isto o que acontece com Mia e Sebastian.

Parte Técnica

O filme é um exemplo de sincronia. Impressionante as coregrafias, os figurinos e os cenários que fazem uma mistura de antigo e novo. A fotografia te faz percorrer pelas estações do ano, assim como as emoções de Mia e Sebastian. Ainda estou encantada com a produção deste filme, que consegue sair da realidade para o sonho em um piscar de olhos.

Por fim, “La La Land” é um filme maravilhoso e para todas as idades. A história de amor e sonho de Mia e Sebastian encanta ao mesmo tempo que mostra a realidade. É, sem dúvida, o mais novo clássico de Hollywood.