Vamos à segunda parte das músicas e filmes que inspiraram o meu novo livro,  A Trilha Sonora da Minha Vida!

Conforme expliquei no post anterior, esta coluna é para curiosidades sobre meus livros e o meu processo criativo de escrita. Então, vamos continuar com Por Trás do Livro compartilhando as músicas e filmes que inspiraram  A Trilha Sonora da Minha Vida.

Clique na imagem e adquira seu ebook!

Além desses posts, você também podem acessar a soundtrack completa do livro no Spotify. Então, apertem os cintos que vamos para mais uma rodada de boas lembranças no mundo de filmes de romance e comédia romântica!

Chapter 11: “Closing Time” (Semisonic)

“Amizade Colorida” é um filme que tenta explorar o amor nos tempos atuais. Especialmente quando se trata de amizade entre homens e mulheres. Utilizando a famosa  música do Semisonic, o filme usa da nostalgia dos filmes de romance para explorar como uma amizade colorida pode se transformar no amor da sua vida!

Chapter 12: “Love Until The End” (The Pogues)

“Ps. Eu Te Amo” é um filme de romance um pouco fora do comum. Adaptado de um livro, o foco da trama não é como o casal se apaixonou, mas sim em como superar a perda do amor da sua vida. Apesar de um temática tão forte e sombria, o filme diverte e emociona, especialmente com sua música tema da banda The Pogues. Então, prepare os lencinhos e vem relembrar essa cena memorável!

 

Chapter 13: “Pretty Woman” (Roy Orbison)

“Uma Linda Mulher” é aquele clássico que nos apresentou Julia Roberts e sua capacidade de interpretar mocinhas independentes em busca de amor. Um conto de fadas moderno sobre encontrar o amor mesmo em um mundo tão complexo e escuro como o nosso. A música tema do filme se tornou um hino para várias mulheres e impossível não lembrar dessa cena:

Chapter 14: “This Never Happened Before” (Paul McCartney)

“A Casa do Lago” é uma releitura do clássico livro de Jane Austen, Persuasão. Inclusive, tem clara referência a história no filme. Um filme de romance puro, sem comédia, que fala sobre esperar pelo o amor, mesmo quando tudo parece perdido. Em uma nova parceria entre Sandra Bullock and Keane Reeves, o casal dança ao som dessa música maravilhosa de Paul McCartney:

Chapter 15: “Mad About You” (Hooverphonic)

“De Repente é Amor” é outro filme que lida com as dificuldades de encontrar o amor em tempos modernos. E como ele pode estar onde menos se espera com aquela pessoa que em teoria não teria muito a ver com você. Com uma trilha sonora impecável, acabei escolhendo uma que explica bem como às vezes estar apaixonado significa ficar louco!

Chapter 16: “Cry” (Mandy Moore)

“Um Amor Para Recordar” é um filme sobre amadurecer e como o amor é um ótimo professor para isto. Livremente inspirado no livro de Nicholas Sparks, a história de amor de Jaime e Landon inspira até hoje os jovens casais que lutam contra as injustiças da vida. E ainda lançou Mandy Moore ao estrelato:

 

Chapter 17: “Here With Me” (Dido)

“Simplesmente Amor” é um filme sobre todos os tipos de amor. E é maravilhoso acompanhar histórias tão diferentes, mas que no fundo se assemelham muito. Especialmente quando se trata de um amor não correspondido. Então, nada melhor que essa música da Dido:

 

Chapter 18:  “Come Pick Me Up” (Ryan Adams)

“Tudo Acontece em Elizabethtown” é um drama com pitadas de comédia. O foco não é no romance em si. O filme trata de temas como sucesso, fracasso, luto, família e amizade. O protagonista está vivendo a pior fase da sua vida e sentindo pena de si mesmo. Mas aí o amor pode acontecer e tudo que parecia perdido é visto como encerramento para um novo ciclo.

Chapter 19: “The Weakness In Me” (Joan Armatrading)

“10 Coisas que Odeio em Você” se tornou um clássico por vários motivos: É uma excelente adaptação moderna do livro de William ShakespeareA Megera Domada, apresentou Heath Ledger para o mundo e tem a famosa cena dele cantando “I Love You Baby”. Mas sabe o que tem também? Essa linda música que é viciante! <3

 

Chapter 20: “Only Time” (Enya)

“Doce Novembro” é um filme que supostamente deveria ser uma comédia romântica, mas se torna muito mais do que isso. É um história sobre amar e ser amado hoje, pois amanhã nunca se sabe. É um dos meus filmes preferidos na vida e não poderia deixar de incluir essa música fantástica da Enya sobre o poder do tempo.

Assim, chegamos na metade do caminho, mas ainda tem muito filme e música interessante para os últimos capítulos! Então, fica ligado e aproveita para acessar a soundtrack completa do livro no Spotify. Assim, você entra no clima para a jornada fangirl de Virginia!

Clique na imagem e adquira seu ebook!

Gostou das indicações? Então fica ligado que próxima semana tem a parte 3!